Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Voluntariado #1

21.09.17

25 dias!

 

Foi uma aventura que durou quase um mês!

 

Aqui, começo a narração de como tudo se passou!

 

Preparem-se, sentem-se e agarrem-se bem!

 

Dia 4 de Agosto!

 

Às 8 da manhã saía eu de casa!

Saía rumo ao deconhecido!

Pensava eu que sabia o que ía encontrar, mas do pensamento à realidade havia uma distância muito grande!

 

Os meus pais levaram-me ao aeroporto.

Àquela hora da manhã havia pouco trânsito!

Em menos de meia hora chegava ao aeroporto da Portela!

 

O ricardo já lá estava.

Um grande amigo meu, que conheço desde os seis anos, que fez toda a escola comigo nos Salesianos do Estoril e que também seguiu para o Instituto superior Técnico.

 

Era hora de entregar as malas e dizer adeus!

Já não havia como voltar atrás.

Depois, foi uma questão de tempo e de burocracias até entrar no avião pelas 10 e 20 da manhã.

 

Seis horas de voo até aos EUA. Sim, porque o voo não era direto! 

Mas fez-se bem!

Devorei os dois últimos filmes do Harry Potter!

Boa companhia! Recomendo. Lufthansa, da United Airlines!

Refeições incluídas, hospedeiras giras, seis horas que passaram rápido!

 

Aeroporto de Newark lá estávamos nós!

Chegámos, passámos todos os procedimentos de segurança, fomos almoçar à subway e depois... depois ficámos sem saber o que fazer.

 

O segundo voo era dalí a 17 horas. Dezassete!! Já o sabíamos, mas só naquele momento é que começámos a perceber que ía ser doloroso. 

Demos voltas e voltas ao aeroporto todo, que ainda é grande, e mesmo assim faltavam mais de 15 horas...

 

Mas parte do problema resolveu-se rápido!

Bora a Nova Iorque!

What else?!

 

Comprámos bilhete ida e volta por 28 dólares e em menos de uma hora metemo nos no centro de Nova iorque!

 

Times Squares, Madison Square Garden, Empire State Building, Loja dos M&M, New York Times, Microsoft, Starbucks.

Corremos tudo o que pudémos em seis ou sete horas.

 

A única vez que tinha estado em Nova iorque tinha cinco ou seis anos, por isso pouco ou nada me lembrava de ter estado lá em carne e osso.

 

Adorei! É realmente uma cidade fantástica em todos os aspetos. Só quem presencia aquela realidade tem verdadeira noção do frenesim de carros e pessoas. 

 

É tudo em grande! Esse é o conceito! "As big as possible".

 

Foram horas e horas a andar a pé.

Estávamos exaustos.

Quando saímos de lá, para regressar de volta ao aeroporto, eram umas 11 da noite.

Logo em Portugal eram 4 da manhã!!

 

Quando chegássemos ao aeroporto esperavam-nos mais 8 horas de infernal espera!

Essa oito horas ficarão para o próximo episódio!

 

O primeiro capítulo encerra aqui! O segundo chegará muito em breve.

 

 

IMG_0995.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1001.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1003.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1005.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1007.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1010.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1020.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1034.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1050.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1051.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1055.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1069.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1078.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1081.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1083.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1095.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1100.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1110.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1113.JPG

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:14

IMG_1908.JPG

 

 

Olá, olá!!

 

O enGINheiro está de volta!

 

Eu sei que estive muito tempo sem dizer nada!

Mas acho que nas próximas semanas vou conseguir compensar este mês inteiro de ausência!

 

Há muito para contar, para escrever e para recordar!

 

Vou tentar fazer um flashback, recuando uns meses atrás, para tentar enquadrar como tudo começou!

 

Estávamos em fevereiro, quando do nada, literalmente do nada, esta ideia me surgiu!

E se este verão fizer algo completamente diferente?

Sair da minha zona de conforto, trocar as férias com a família e os amigos para ir abraçar uma causa maior?

E se dedicasse uma boa parte das minhas férias a fazer voluntariado?

 

Tudo começou assim!

Um conjunto volumoso de interrogações dentro da minha cabeça, mas que na sua globalidade começavam a dar corpo a uma futura realidade!

 

Os pontos de interrogação passaram aos poucos e poucos a afirmações e exclamações.

 

As dúvidas transformaram-se em certezas!

 

A vontade em poder experienciar algo novo ía crescendo!

 

Daí para a frente foi uma questão de me ir informando para saber tudo o que era necessário fazer e qual o destino a escolher!

 

Havia soluções para todos os gostos, Europa, Ásia, América, África, era só escolher!

 

Depois de uns dias a pensar qual o destino e qual o tipo de voluntariado que mais curiosidade me podia suscitar, a escolha foi feita!

 

Montezuma, Costa Rica, Programa de preservação e proteção de tartarugas marinhas!

 

A primeira pergunta é logo porquê?

 

A resposta é fácil!

Houve vários motivos por detrás desta escolha, uns com maior e menor credibilidade!

 

Os países da América Latina sempre me despertaram bastante interesse, possivelmente por serem muito distintos da Europa não sei, desde a cultura ao modo de vida! Comprovei tudo!

 

A juntar a isso, decidi que o voluntariado seria relacionado com animais, especialmente por dois motivos! 

Primeiro, porque há demasiadas espécies em vias de extinção!

Segundo, porque sendo esta a primeira vez que iria fazer voluntariado a "sério", poderia ser mais complicado se fosse por exemplo para África ajudar crianças ou populações com dificuldades! Talvez no futuro isso até possa acontecer, mas há uns meses atrás não me sentia preparado!

 

Por isso mesmo e a juntar o pequeno pormenor de estar de férias de VERÃO decidi dedicar-me a animais ligados ao mar!

E haveria algo mais interessante do que tartarugas marinhas?!

 

Acho que não!

 

E assim foi!

 

Tive que aprender espanhol, fiz entrevistas via skype com responsáveis do projeto, convenci um amigo a vir comigo, fiz uma carta de motivação para juntar ao currículo! Sim, porque até currículo me pediram!! Marquei viagens de avião e lá fui eu!

 

Quase um mês fora!

 

Saí de Lisboa no dia 4 de Agosto!

As 10 e 25 da manhã partia o avião rumo aos Estados Unidos da América!

 

Começava a aventura!

 

Já não havia volta a dar!

 

Esta loucura estava iniciada!

 

O regresso seria a 27 de Agosto!

 

Seria, mas acabou por não ser!

 

Foram 25 dias fantásticos, recheados de histórias e memórias que jamais esquecerei!

 

Estive em Times Square!

 

Dormi três noites em San José quando só devia ter dormido duas.

 

Vi tartarugas a desovar com mais de um metro de comprimento e ajudei-as a libertar os ovos!

 

Vi tartarugas bebés a nascer!

 

O primeiro ninho que fiz para guardar os ovos da tartaruga mãe tinha 143 ovos! O recorde deste ano! Mesmo.

 

Acordava às 3 da manhã por causa da chuva e da trovoada

 

Tinha patrulhas noturnas durante quatro horas sem lanterna!

 

Falei inglês, espanhol, português e francês

 

Fiz imensos amigos, sobretudo amigas!

 

Vi paisagens inimagináveis!

 

Dei de comer a macacos dentro da casa onde vivía!

 

E até ví uma voluntária que se tornou, ao longo dos dias, minha amiga, ser expulsa por mau comportamento!

 

Sei lá, ví tanta coisa, testemunhei tanta coisa, que provavelmente muitos tópicos faltarão aqui!

 

O que posso prometer é o seguinte, nas próximas semanas vou publicando o meu dia-a-dia desde que saí de Lisboa no dia 4 até que voltei a aterrar na Portela!

Fotografias, relatos, histórias, peripécias, vou tentar apresentar tudo de forma cronológica para tentar tornar isto mais real para quem está a ler!

 

Vou tentar não falhar!

 

Foi um mês fantástico a todos os níveis!

 

Aqui tentarei explicar e mostrar porquê!

 

Fiquem atentos!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:15

Estou de volta!

 

Estou de volta ao portátil para escrever qualquer coisa com cabeça, pés e membros! É assim não é? Ou pés, membros e cabeça? 

Deve ser o mesmo. O que interessa é que estou de volta a este espaço para trazer algo interessante!

 

Julho já passou!!!

 

Já estamos em Agosto, inacreditável...

 

E este final de mês de Julho marcou uma ida a Brighton!

Não conhecia. Nunca lá tinha ido!

 

Fui visitar um grande amigo que está lá a fazer mestrado!

Eu e mais um amigo nosso comprámos voos, fizémos a malinha e voámos para Londres!

 

Só agora o conseguimos ir visitar!

 

Em Setembro de 2016 estava o rapaz a ir embora e só agora em Julho de 2017 é que deu para lá ir.

Mas pronto... o que interessa é que lá fomos!

 

Foram quatro dias muito bem aproveitados!

Deu para por a conversa em dia, contar novidades, histórias, falar de novas miúdas, conviver e ao mesmo tempo conhecer Brighton!

E ainda deu para ir a Londres!! Foi um dia inteiro na capital, mas de Londres falo depois.

 

Brighton está para Londres, tal como Cascais está para Lisboa!

Exatamente o mesmo, sem tirar nem por!

Típica cidade/vila litoral, com o a "marginal", o paredão, o ambiente juvenil, a praia, as gaivotas, as esplanadas!

É tudo muito semelhante.

 

Só se nota a diferença num aspeto. O clima! Esta altura do ano corresponde para aí a Março em Cascais!

O sol vai oscilando com a chuva durante os dias de Julho!

O vento é garantido!

Das 11 horas até às 15 "tá-se mesmo bem", anda-se de t-shirt, até calções, mas depois desse horário é impossível não andar de casaco!

 

O ambiente noturno é excelente!

Pubs, pubs e mais pubs. Todos diferentes no aspeto, nas cores, na decoração mas todos iguais no "conteúdo".

Qual conteúdo?

A bela da cerveja!

Dezenas de tipos e marcas diferentes, todas com sabores diferentes e texturas distintas!

O tamanho?

Menos do que 45cl não existe!

Não há cá imperial de 20, 25 ou 33cl.

Ali bebe-se a sério! E paga-se a sério também!

 

A partir do meio-dia começam a encher! 

 

É uma espécie de ritual. Lá o convívio com os amigos no bar é algo que se vive no dia-a-dia. É normal!

Num dos dias fui ao centro comercial, ainda não eram 11h e 30 da manhã  e num pub que fica em frente ao mesmo estavam um casal que não tinha menos de 70 anos a beber duas canecas!

É assim! É giro.

 

Quanto à casa, era a clássica casinha inglesa!

De pedra, com vários andares, antiga, com as paredes rugosas e molhadas da água da chuva!

No interior, uma salinha, uma cozinha e um pátiozinho com uma mesa e umas cadeiras para os dias de sol são os espaços comuns.

A casa é habitada por cinco estudantes no total, cada um com o seu quarto e a sua privacidade como se fosse uma espécie de pensão!

É um estilo de vida engraçado, mas para se passar uma semana!

Um ano deve ser complicado! Há muitas distrações, não há pais, é fácil sair do "foco" da faculdade! Tem que se ser psicologicamente forte!

 

Foram quatro dias que passaram rápido.

Serviram para matar saudades!

Conhecer uma realidade diferente!

E motivar o meu brother a aguentar-se mais um mesinho e meio!

 

 

10.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

3.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

2.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

4.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

5.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

6.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

7.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

8.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

9.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:14

ql3.JPG

 

Venho aqui apresentar-vos um pequeno paraíso que existe em Portugal!

No sul. No Algarve!

 

Bem... começando pelo início!

 

O final da semana passada e o início desta semana foram exigentes! Muito exigentes mesmo!

Exames dia 22, 23 e 26! Foi um autêntico assalto!

Epa não correu mal! Dois deles acho que estão despachados... mas veremos.

 

Ora, o exame de segunda, dia 26, foi às 9h da manhã e como depois desse exame só volto a ter outro no dia 1 de Julho, e ainda por cima é só de melhoria de nota, decidi fazer um mini-retiro durante 3 dias!

 

Eu mais dois amigos pegámos numa malita cada um, num carro e fomos até ao Algarve! Um de nós tem casa em Vilamoura, por isso foi fácil chegar a um acordo!

Como os exames ainda não se foram embora, só puderam ser mesmo 3 dias, infelizmente...

 

Foram 3 dias "softezinhos". Praia, bebida e jantaradas são a caracterização perfeita!

Como já há bastante "pessoal" conhecido de férias não é difícil arranjar companhia! Sim, porque Vilamoura já está bem composta!

 

Mas a pouco mais de 10 minutos de carro de Vilamoura, fica o meu sítio preferido em Portugal!

É difícil descrevê-lo em palavras, porque fico sempre a sentir que estas ficam aquém da realidade!

Tranquilidade, no stress, amigos, diversão, perfeição, paraíso, mar, miúdas giras, serenidade, fauna, flora... tudo isto se conjuga num único lugar, a Quinta do Lago! 

 

E por isso, passar lá quando se está em Vilamoura é obrigatório! Não falha!

 

The Shack!

 

É a definição perfeita de esplanada!

 

Dá para tudo! Beber um café, pedir um gin, almoçar garoupa ou pedir um hamburguer, ou simplesmente uma imperial com amendoins!

A juntar a isto faz lembrar veneza! Está assente sobre estacas no início de um lago! O Lake, como se chama! 

Um lago gigante, onde se pode andar de paddle, fazer desportos radicais, andar de barco à vela ou apenas dar uma volta de "gaivota"

Esse mesmo lago, também funciona como "praia", há toldos, areia e espreguiçadeiras...

Tudo isto no mesmo espaço!

 

O The Shack é o verdadeiro significado de esplanada de praia! A diferença é que a praia está a 5 minutos de distância e é substituída no imediato por um lago!

Revestido de madeira escura, mesas, bancos e cadeiras todos de madeira, faz um contraste mágico com a água azul-esverdeada do lago!

 

Só visto! 

 

ql1.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ql4.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

É um verdadeiro "MUST"

 

Ps: Para quem tem filhos pequeninos é perfeito!

       Vão adorar. Falo por experiência própria!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:52

Estamos na altura dos santos populares.

Sinceramente não ligo muito!

Por isso, não vou falar da Bica em Lisboa nem dos manjericos...

 

Para mim uma casa de madeira, praticamente no meio do nada, onde o bater das ondas ou o abanar das folhas das árvores são os únicos movimentos audíveis é algo muito mais interessante!

 

Esta altura é complicada para qualquer estudante e como tal acho que sabe sempre bem poder descansar uma horinha ao final da tarde.

Depois cabe a cada um conseguir tirar o máximo proveito dessa hora!

 

Eu, tenho um spot-alvo! 

Descrevê-lo numa palavra é difícil.

Mas posso tentar descrevê-lo numa frase.

É basicamente uma casa de madeira com uma esplanada, onde à nossa frente só existe mar. Uma espécie de retiro espiritual, isolada da confusão e do barulho dos carros e das pessoas. 

 

O Alcatruz fica em S. João do Estoril. É literalmente uma barraquinha de madeira sozinha no meio do nada. E esse nada é apenas vegetação e árvores que separam o mar da marginal!

 

Desafio alguém a encontrar sítio mais calmo e tranquilo do que este!

O stress não existe neste local! É automaticamente abafado pela involvência e dissolve-se como açúcar no café.

 

Desde uma simples imperial acompanhada por um cigarrinho até algo mais substancial como um hambúrguer, passando por saladas, sandwiches ou até uma fatia de bolo de chocolate.

 

Um autêntico carrossel de sabores e sensações no qual sabe sempre bem entrar e dar uma volta, ou mais! 

 

Por isso, aqui fica mais uma sugestão.

 

 https://www.zomato.com/pt/grande-lisboa/alcatruz-s%C3%A3o-jo%C3%A3o-do-estoril-lisboa

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:31

E o mês de Maio encaminha-se para o final.

Brevemente entraremos no verão e como tal acho que é a altura certa para fazer o roteiro de um dia perfeito numa das melhores zonas do país!

 

Cascais!

 

E quando eu digo Cascais falo da extensão de terreno que vai desde o Estoril ao Guincho! Cascais para mim é isso!

Acho que não poderia ter pedido melhor sítio para ter nascido, crescido, estudado, criado amizades e desenvolvido como jovem!

Cascais is the perfect spot!

 

Então aqui vai!

 

Vamos supor que chega alguém estrangeiro ou português que não conhece esta Vila, sim porque Cascais é uma vila, não é uma cidade!

 

10h00: Pequeno-almoço! O dia tem que começar sempre cedo! E para ganhar forças nada como uma refeição composta e de qualidade. E para tal acontecer há um sítio melhor que qualquer outro, pelo menos para mim! A Garrett! A melhor pastelaria de Cascais e da região de Lisboa e sem dúvida uma das melhores do país! Há tudo! Tudo o que se quer encontrar está lá! E a qualidade dos produtos que se lá encontram aliado à qualidade do serviço resulta numa combinação explosiva de sensações.

 

garrett.JPG

 

 

11h30: Aquela hora depois do pequeno-almoço e antes do almoço em que apetece ir dar uma volta, apanhar ar puro, desfrutar da paisagem. Nada melhor do que a Casa da Guia! Uma espécie de ilha verde que faz a separação entre a parte final da Estrada Marginal e o Mar! Restaurantes, cafés, esplanadas, lojas, tem de tudo um pouco...

 

CG2.JPG

 CG3.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

13H30: Talvez a decisão mais difícil! Onde almoçar? Há muitas hipóteses... o difícil é mesmo escolher! Mas uma das melhores opções é sem dúvida o Panorama no Guincho! É barato? Não, não é! Mas sendo este um roteiro para quem está de férias ou veio para conhecer penso que uns euros a mais não farão muita mossa!

O panorama fica em plena estrada do Guincho. A possibilidade de estar com a carta na mão a escolher o almoço e sentir o cheiro a maresia ao mesmo tempo é algo inigualável! A vista essa é quase irreal!

panorama.JPG

 

 

16h00: Depois de umas horas bem passadas a almoçar é hora de descansar e fazer a digestão. Nada melhor do que sair do Panorama a pé e andar até à praia do Guincho, que tem várias entradas e muitos pontos de acesso! É preciso ter sorte com o vento, mas se o vento incomodar há esplanadas de praia com dezenas de sumos, cocktails e tudo o que nos vier à cabeça para substituir a praia.

guincho.JPG

 

19h00: É tempo de voltar para o hotel ou para o sítio onde se esteja alojado! Arranjar e preparar para a noite! Sim porque  o dia ainda não acabou!

 

21h00: Depois de arranjado, o jantar e a saída podem ser praticamente no mesmo sítio. Zeno do casino Estoril! Colado ao casino do Estoril, o Zeno oferece um envolvimento brutal com os jardins do casino sempre iluminados e bem decorados!

A panóplia de opções é imensa, desde as famosas pizas às pastas, passando pelos bifes, são muitas as soluções!

A seguir basta andar uns metrinhos e encontra-se a discoteca Jézebel! Também ela faz parte do casino. É um sítio de diversão mas bastante calmo, familiar, sem grandes confusões. Ideal para se ir beber um copo e ouvir boa música durante umas horas!

 

zeno estoril.JPG

 jezzz.JPG

 

 

 

 

 

 

 

 

Este é o meu roteiro de um dia em Cascais!

Haveria muitas outras opções também elas extremamente aliciantes, mas estas foram as minhas escolhas!

 

Enjoy yourself!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:02

Cá está o enGINheiro de novo!

Agora, para inaugurar um capítulo novo neste "espaço".

Gin, Spots & Chill

 

Muito complicado? acho que não!

Trata-se do momento de descanso do "guerreiro". Sim, porque um engenheiro (ou futuro engenheiro) não PODE viver só de exames, projetos, laboratórios ou aulas! Sim, isso foi algo que meti na minha cabeça! Jamais deixaria de "viver" para me isolar do mundo em troca de um "canudo". E que "canudo" neste caso! Bem que podia vir banhado a ouro tal é o trabalho que tem dado. Mas esse assunto fica para outro dia! 

 

Hoje, é para dar tempo de antena aos momentos de descompressão do enGINheiro! 

 

Então aqui vai!

 

Há melhor combinação para um jovem rapaz do que um date com uma miúda ao final da tarde? A resposta é fácil! 

Ora vamos pensar.

Uma boa companhia, vista direta para o Rio Tejo, uma garrafinha de vinho branco para ajudar a desbravar caminho (if you know what i mean) a acompanhar com umas batatinhas fritas, só para petiscar! Ao mesmo tempo que temos a oportunidade de presenciar uma autêntica "explosão cósmica" encarnada à nossa frente.

Há melhor cenário para se levar uma miúda que queremos impressionar?

É vitória garantida! E a verdade é que existe mesmo!

 

Vestigius!

Cais do Sodré (Lisboa).

Descobri-o há uns dois anos e desde aí que é sempre uma das minhas primeiras escolhas.

O espaço por dentro é extremamente simpático e acolhedor! A decoração é cinco estrelas! Sempre com um somzinho a tocar para dar um toque especial no ambiente!

 

É daqueles sítios que funciona bem tanto no verão como no inverno. O verdadeiro dilema é saber se havemos de escolher ficar na varanda ou cá dentro.

 

Só há um problema!

Mas este problema existe com regularidade!

Não é possivel ir de bolsos vazios!

 

E nestes casos, é sempre a dobrar!

 

 

 

Vestigius Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:56


Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D